Terça, 08 Outubro 2019 22:08

Estudantes da Escola Major Alcides recebem certificados do Projeto Conhecendo a Defensoria Destaque

Escrito por MÁGIDA AZULAY KHATAB
No total, 72 estudantes receberam os certificados; a solenidade ocorreu no auditório da Defensoria Pública do Estado de Roraima No total, 72 estudantes receberam os certificados; a solenidade ocorreu no auditório da Defensoria Pública do Estado de Roraima Ascom/Seed

Os estudantes do Ensino Médio Técnico em Serviços Jurídicos da Escola Estadual Major Alcides receberam na manhã desta terça-feira, 08, certificados do Projeto Conhecendo a Defensoria. A solenidade foi realizada no auditório da DPE-RR (Defensoria Pública do Estado de Roraima), no Centro da capital.                                                                                  

O evento contou com a presença da secretária de Educação e Desporto, Leila Perussolo; do defensor público-geral do Estado, Stélio Dener; e da gestora da Escola Major Alcides, Ana Ilza, além dos professores, pais e alunos.

Os estudantes participaram do projeto promovido pela DPE-RR e tiveram a oportunidade de conhecer a estrutura da instituição. Além disso, os estudantes puderam vivenciar a rotina do defensor público no atendimento aos assistidos e demais atividades realizadas pelo órgão.

Edna Nunes é mãe da estudante Yasmim de Almeida e, para ela, o projeto é excelente. “Estou sempre acompanhando a minha filha. Acho o projeto muito importante. As palestras, os conhecimentos, o projeto é muito bom. O curso deles na escola também é muito bom”, disse Edna.

Já a estudante Yasmim disse que, com o projeto, foi possível um novo olhar sobre o profissional técnico de serviços jurídicos. “Foram três anos incríveis na escola, bastante cansativo, mas gratificante. O projeto nos deu um olhar diferente sobre o técnico de serviços jurídicos”, afirmou a aluna.

Segundo a secretária Leila Perussolo, o projeto é importante para mostrar a relevância da atuação da Defensoria Pública. “É um projeto que faz com que os alunos possam conhecer e entender todo o movimento da sociedade na busca do exercício da cidadania e da garantia dos direitos. O projeto será ampliado com a parceria da Secretaria de Educação”, enfatizou a secretária.