Imprimir esta página
Terça, 10 Setembro 2019 22:42

AVANÇO | Governo de Roraima anuncia próximas etapas do concurso da PM Destaque

Escrito por EDUMARJUNIOR
Os novos policiais militares devem ser contratados até abril de 2020 Os novos policiais militares devem ser contratados até abril de 2020 Elinaldo Santos/Ederson Brito

O governador Antonio Denarium anunciou na tarde desta terça-feira (10) no Salão Nobre do Palácio Senador Hélio Campos o cronograma com as próximas etapas do concurso da Polícia Militar de Roraima. Trezentas pessoas participaram da cerimônia, entre autoridades, políticos e os aprovados no certame.

A UERR (Universidade Estadual de Roraima) vai lançar na próxima quinta-feira (12) o edital específico de convocação para a realização dos exames médicos, odontológicos e toxicológicos. 

Cumprindo todas as etapas, até o início de abril de 2020 serão convocados novos 400 policiais militares.

A primeira fase do concurso foi aplicada em dezembro de 2018. Com a grave crise financeira Antonio Denarium suspendeu o concurso em janeiro. Em julho o governo revogou a suspensão e agora anunciou as próximas fases.

“Nós assumimos o Estado devastado, tivemos que suspender o concurso. Tive que fazer um remanejamento de R$ 1 milhão da Polícia Militar para a UERR montar o novo cronograma. Esse recurso garante a execução de todas as etapas restantes”, enfatizou o governador.

O comandante da PMRR, coronel Elias Santana, parabenizou os aprovados na primeira fase e pediu para que os concurseiros foquem nas próximas fases que, segundo o comandante, são as mais difíceis.

“No último concurso da PM muitos reprovaram no teste físico, então eu falo pra vocês que se esforcem e estejam preparados para se tornarem um policial militar, que para mim é uma honra”, frisou.

Estiveram presentes no evento os deputados estaduais Renato Silva, Aurelina Medeiros, Soldado Sampaio, Gabriel Picanço e Jeferson Alves. Renato Silva parabenizou o governador pela sensibilidade que tratou o assunto, e disse que essa conquista é fruto de um trabalho conjunto entre o poder Legislativo e o Executivo estadual.